A burla de empregos processa-se da seguinte forma:

  • O burlão entra em contato com a vítima pessoalmente, por telefone ou através de terceiros, propondo-lhe ajuda para conseguir um emprego.

  • Para o efeito, pede à vitima que o disponibilize alguns documentos pessoais e uma certa quantia em dinheiro.

  • Às vezes, o burlão manda buscar o dinheiro através de um taxista.

  • Dias depois, contata novamente a vítima, pedindo-lhe mais dinheiro.

  • Após receber a quantia solicitada, o burlão não mais atende as chamadas da vítima.

  • banner biblioteca a
  • banner denuncia
  • contacte nos email
  • Alerta Cidadao

Ministério Público

Direitos de autor © 2018 Ministério Público de Cabo Verde. Todos os direitos reservados.
Software de código aberto Joomla! Sob licença GNU GPL.